(Última alteração em: 4 de outubro de 2021)

A vida imita a arte ou a arte imita a vida? Seja qual for a resposta certa, o fato é que muitas histórias que vemos na telinha ajudam a nos motivar e reciclar ideias. Se você está em busca de inspiração, criamos uma lista caprichada com 5 dos melhores filmes de empreendedorismo para tirar aquele projeto da gaveta ou renovar a sua empresa.

Sabemos que a vida de empreendedor não é nada fácil: são muitos os percalços, os desafios e as preocupações que empresários precisam contornar no seu dia a dia. Desse modo, é natural que um gestor se sinta sem energia e motivação, conduzindo as tarefas em uma espécie de “piloto automático”.

Preparamos esta lista com os melhores filmes de empreendedorismo, que contam histórias de coragem, de superação e de ideias inovadoras, que podem ser fonte de muitos aprendizados e do ânimo necessário para que empreendedores de qualquer ramo consigam dar um gás em seus negócios. Continue a leitura, prepare a pipoca e confira!

1. O Homem que Mudou o Jogo (2011)

Empreender é uma atividade que demanda flexibilidade e alta capacidade de adaptação, visto que os cenários podem mudar, literalmente, da noite para o dia.

“O Homem que Mudou o Jogo”, o primeiro na nossa lista dos melhores filmes de empreendedorismo, conta a história de Billy Beane, interpretado pelo ator Brad Pitt. Billy foi contratado para ser gerente do Oakland Athletics, um time de beisebol pequeno, que dispõe de pouco dinheiro e que, ainda por cima, tem um histórico de várias derrotas nas competições.

Diante desse desafio, Billy decide fazer diferente. Em vez de apostar em práticas de jogo já conhecidas e até recomendadas por técnicos e olheiros, o gerente, com a ajuda de Peter Brand, tem a ideia de implementar um método de recompensa para estimular os jogadores, por meio de pontuações.

No início, a novidade recebe muita resistência, não só da comissão técnica como dos próprios jogadores. Com o tempo, a tática se prova efetiva e o time consegue alcançar um recorde de vitórias.

O filme ressalta a importância de inovar e repensar processos e estratégias.

2. Walt Antes do Mickey (2015)

Se existe um nome de destaque na história do empreendedorismo, ele é o do cineasta, animador e roteirista Walt Disney.

Disney foi capaz de criar uma das marcas de maior peso do mundo, conhecida em praticamente todas as partes do globo e referência para muitos negócios. Não há quem não fique impressionado com as criações e a capacidade da Disney de se conectar e emocionar o público.

Nem tudo foram flores na trajetória de Walt Disney, e é isso que o filme revela. Basicamente, ele mostra a vida de Disney antes de criar o famoso camundongo Mickey e como ele conseguiu construir seu império. O mais interessante da história é acompanhar os erros e acertos do cineasta que, mesmo tendo boas ideias e muito talento desde criança, muitas vezes não recebeu o apoio que precisava da família e de colegas de trabalho.

Assim como o filme no tópico anterior, “Walt Antes do Mickey” fala sobre a importância de acreditar nas suas capacidades, na sua intuição e persistir, mesmo que aqueles que estão próximos de não deem crédito.

3. À Procura da Felicidade (2006)

Estrelado por Will Smith, esse é um dos melhores filmes de empreendedorismo que você vai encontrar. Além de inspirador, é impossível não se emocionar com a história do protagonista e os percalços pelos quais ele precisa passar.

O longa conta a história de Chris Gardner, um pai solo que, com seu filho de 5 anos, precisa contornar uma das fases mais difíceis da sua vida. Abandonado pela esposa, Gardner passa por grandes dificuldades financeiras e, depois de muito procurar por trabalho, acaba conseguindo um estágio não remunerado em uma importante corretora de ações. Mesmo passando por apertos, ele decide agarrar a oportunidade.

Uma maré de má sorte o atinge: ele acaba sendo despejado de sua casa por não pagar o aluguel, tem que morar na rua, dar banho no filho no banheiro do metrô, entre outros obstáculos. O personagem, no entanto, faz tudo isso sem perder o otimismo e o foco. Com o tempo, ele se destaca na empresa e acaba se tornando um empresário bem-sucedido.

O que parece um grande drama digno de ficção, na verdade, é uma história real. A experiência de Gardner ensina empreendedores que o caminho pode não ser fácil e, por vezes, serão muitos os contratempos, mas não existe forma de superar as crises se não for com estudo, determinação e confiança nos seus objetivos e no seu potencial.

4. Fome de Poder (2017)

Assim como a Disney, outra marca mundialmente conhecida é a rede de fast food McDonald’s. O longa mostra como uma simples lanchonete do interior dos Estados Unidos se tornou uma das franquias mais famosas da história. Nos anos 40, os irmãos McDonald tinham um pequeno e bem-sucedido negócio, no qual eles desenvolveram um sistema de padronização e agilidade no serviço.

Certo dia, eles recebem a visita do vendedor Ray Kroc que, impressionado com o funcionamento da loja, enxergou o potencial e convenceu os irmãos a investir na ampliação do empreendimento por meio do sistema de franquias.

Kroc acabou encabeçando o projeto de expansão e se tornando representante dos irmãos. No fim, tomou posse da marca e virou proprietário da rede. O filme ressalta a importância de valores éticos e morais, e de ter cuidado nas negociações, além de entender a relevância de criar uma boa reputação para sua marca.

5. Um Senhor Estagiário (2015)

O protagonista do filme é Ben Whittaker, vivido por Robert De Niro, que é um senhor aposentado e viúvo. Ben decide, depois de um longo período de solidão, aplicar para uma vaga de estágio como uma oportunidade de voltar à ativa e contribuir com seu conhecimento para o mercado.

Isso, por si só, já é uma lição de empreendedorismo, mas o filme traz mais: a empresa na qual Ben vai trabalhar é uma startup digital de moda criada por Jules Ostin, uma mulher jovem, mãe e muito determinada.

O veterano Ben fica instantaneamente impressionado com o talento e o comprometimento dela com sua empresa. Em diferentes cenas, Jules aparece cuidando de assuntos diversos, como do empacotamento das peças e o atendimento ao cliente.

Diante do crescimento meteórico da empresa, Jules é pressionada pelos investidores a abrir mão do cargo e contratar um CEO para cuidar do negócio que criou do zero. A personagem e Ben logo se tornam amigos, e essa amizade faz com que Jules volte a confiar no seu potencial de gerenciar o negócio.

Como você pode ver, todos os cinco longas ensinam muitas lições de como superar desafios e fortalecer a jornada de um empreendedor. Em comum, as histórias falam muito sobre inovação, persistência e na capacidade de confiar no seu talento e no potencial da empresa. Não perca tempo, veja esses melhores filmes de empreendedorismo e prepare-se para inaugurar uma nova etapa no seu negócio!

Gostou do conteúdo? Aproveite e compartilhe o post nas redes sociais para inspirar mais pessoas!

Quer saber sobre mais assuntos como esse? Nos siga nas redes sociais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.